Comprou online e não recebeu a mercadoria? Saiba o que fazer.


16/07/2020 às 12h39
Por Elane Ribeiro

Nesses últimos dias uma pessoa próxima me pediu ajuda para comprar uma mercadoria na internet através de um site que eu não conhecia.

Na mesma hora o bichinho do "desconfiômetro" passou por mim e me alertou para pesquisar sobre a reputação do site. 
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Não deu outra, várias reclamações sobre a falta da entrega do produto, de mercadoria anunciada que não estava em estoque, dentre outros problemas. 

Por sorte, vi antes mesmo de comprar que se tratava de uma furada e pulei fora. Mas se você já comprou sua mercadoria e não recebeu, eu posso te dar dicas sobre o que fazer.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
1. Nem sempre a fraude vem assim escancarada como eu descrevi, às vezes a loja é séria e tem boa reputação, mas falhou ao prestar o serviço para você. Nesse caso, é importante que você tenha a nota fiscal, ou o print do pedido e do pagamento, caso a loja ainda não tenha emitido a nota.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Como não estamos falando de documentos físicos, você pode tirar print de todos e ir salvando em uma pastinha no seu computador ou celular. Salva também o código de rastreio, tudo que ajude a resolver a questão, certo?! Salvou? Vamos ao próximo passo.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
2. Registre a reclamação online: pode ser através do SAC da empresa, do Reclame Aqui, do Consumidor.gov ou até mesmo junto ao PROCON. Lembre-se de salvar os comprovantes dos protocolos!
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
 Algumas dessas plataformas estabelecem rankings de reputação e tempo de resposta da empresa, então boa parte delas se empenha em responder para manter uma boa imagem online.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
3. Não deu certo? É, talvez você tenha que buscar a solução na via judicial. Vale lembrar que o funcionamento dos tribunais foi alterado pela pandemia e seus esforços estão concentrados nas demandas urgentes. Se for mesmo o caso, procure um profissional!
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
 

  • Direito do Consumidor; Compras Online; Quarentena;
  • Reclamação; Procon

Elane Ribeiro

Bacharel em Direito - Salvador, BA


Comentários